SRZD


13/03/2009 18h13

Paes lança projeto "Escolas do Amanhã"
Redação SRZD

O Prefeito Eduardo Paes e a secretária municipal de Educação, Cláudia Costin, lançaram na manhã desta sexta-feira (13), no CIEP Zumbi dos Palmares, em Coelho Neto, o projeto "Escolas do Amanhã", que inclui uma série de medidas para qualificar o ensino em 150 escolas situadas em áreas de risco. A iniciativa conta com o apoio da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) e do Ministério da Educação. Em seu discurso, Paes destacou a importância do projeto, bem como da necessidade de se investir em Educação para retirar as crianças e jovens do mundo do crime.

"Esse projeto representa um grande passo para a mudança verdadeira da educação do Rio de Janeiro, que vive um momento especial do qual me orgulho. Não tenho dúvidas de que as futuras gerações terão de volta a esperança de um futuro melhor, através da cultura e do esporte. A partir de agora, as escolas se tornarão mais atraentes, com diversas atividades, motivando seus alunos a permanecerem nelas", disse o Prefeito.

Entre as benfeitorias do projeto "Escolas do Amanhã", o destaque vai para o novo formato das aulas, em período integral. Além disso, as unidades receberão um inovador programa de Ciências, com a manipulação de materiais e equipamentos modernos, internet em banda larga, bibliotecas e cineclube.

De acordo com a secretária Cláudia Costin, os professores das escolas que atingirem a meta de aprendizagem vão receber bônus de um salário e meio (para as demais unidades do Município, o bônus será um salário). Também está previsto a formação de 150 educadores comunitários, um curso de mediação de conflitos para os diretores, e a remuneração de três mães que serão responsáveis por buscar as crianças que não forem à aula, e investigar o motivo.


Comentários
  • Avatar
    16/09/2010 22:52:49maria argemira linsAnônimo

    AS MAES VOLUTARIAS TERA CHAMADA NO GUADRO DO PROJETO ESCOLA DA AMANHA

  • Avatar
    22/07/2010 14:06:19patricia moreira dos santosAnônimo

    sou mae voluntaria e aprovo esta ideia todas as crianças q eu acisto na escola municipal sampaio correia em senador camara tem se agradado muito e seus familiares tambem .

  • Avatar
    21/07/2010 19:33:46angela silva izidoroAnônimo

    como saber se a universidade da cidade foi escolhida ou convênio com esse projeto escola do amanhã.estou cursando o 7 período

  • Avatar
    08/07/2010 16:59:20NIZIA AZZOLI FERREIRAAnônimo

    O até então projeto "Escolas do Amanhã" teve por objetivo mil e uma utilidade para 150 escolas.... Mas na verdade é MAIS um Projeto FALHO da prefeitura do RJ. POIS NUNCA TEM VERBA PARA SEGUIR COM O PROJETO ADIANTE. TODO DESENVOLVIMENTO QUE TRABALHAMOS É SIMPLESMENTE INTERROMPIDO PELA SME. FALTA DE RESPEITO TOTAL COM TODOS, DIGO, PROFESSORES, ESCOLA E PRINCIPALMENTE COM O ALUNO!!!! ACOOOOOOOOOOORDA PREFEITO... ASSIM VC QUEIMA O SEU FILME.....

  • Avatar
    26/03/2010 21:06:47Vania BrumAnônimo

    Estou muito interessada em trabalhar nesse projeto, sei que posso contribuir muito e que juntos alcanlçaremos os nossos objetivos. Acho que estou atrasada demais, mas quem sabe ainda tem uma vaga. Aguardo ansiosa a resposta. Um abraço

  • Avatar
    16/11/2009 17:16:29janiceAnônimo

    quais são as atrbuiçoes das psicologas dentro dessas escolas ?

  • Avatar
    27/10/2009 12:42:37ELIANE DA SILVA ARAÚJOAnônimo

    Sou coordenadora deste projeto wem uma das escolas participantes, e na U.E em que trabalho está dando certo!!!! Não existe fórmula mágica para que isso aconteça, simplesmente todos nós educadores temos o mesmo objetivo: Educar como se fossem os nossos filhos!!! COM MUITO AMOR E DEDICAÇÃO!!!!

  • Avatar
    05/10/2009 23:30:52ANGELA SILVA IZIDOROMembro SRZD desde 05/10/2009

    boa noite,como faço para trabhalhar nesse projeto social,tenho espêriecia com criança,adoro estar com elas e atuo na área de educação,faço faculdade de pedagogia estou,no quinto período e me enterecer a propicionar as crianças a socialização com sua comunidade e interagir com suas culturas! angela s.izidoro

  • Avatar
    21/09/2009 21:14:18Denise S. TeteAnônimo

    Boa Noite, gostaria de saber como faço para trabalhar nesse projeto, fui recreadora de uma creche por uma ONG no morro da Caixa d' Água na Penha mais infelizmente a ONG acabou. Sou bacharel em turismo, e tendo a oportunidade de fazer parte deste projeto posso estar levando mudanças um tanto significativas para essas crianças. Denise Tete

  • Avatar
    24/08/2009 18:40:54oscar guedes de arruda filhoAnônimo

    oi td bem ,como é que eu faço para trabalhar nesse projeto pois estou cursando a faculdade de educação física no 6 periodo .

  • Avatar
    13/08/2009 21:19:07tania luciaAnônimo

    Sou servente em uma das escolas do projeto e gostaria de saber do sr prefeito o que será feito de nós serventes quando a comlurb chegar em todas as uuees, uma vez que estou sendo sendo jogada de uma unidade para outra de acordo com as necessidades das escolas. Enquanto que minha vida fica a mercê das decisões do DRH da crê.

  • Avatar
    14/03/2009 20:26:30Angela Maria QuintieriAnônimo

    Eu dirijo uma escola entre as 150 escolas escolhidas. Claro que estou bastante preocupada, e com um pouquinho de medo. Mas é bom sentir medo, porque ele pode ser um agente facilitador e sobretudo bastante revelador. Ele pode ser um mestre que aponta largamente as mudanças. De tudo o que ouvi e me foi passado em reunião, me deixou muito otimista quanto ao projeto que será implantado. Gostaria de dizer à Srª Secretária, Cláudia Costin que esse, também, pode ser um momento de um repensar bastante sério, para que todos nós possamos rever o nosso papel de educador. Somos participantes que acreditamos naquilo que dizemos diante de nossos alunos, e agimos conforme o que dizemos, ou a prática desse dizer em nosso dia-a-dia tem um colorido bem diferente? Seria bom que cada um de nós fosse bastante coerente e muito sincero com cada palavra que dissesse. Então, acho que podemos aproveitar esse pontapé inicial para refletirmos sobre as mudanças significativas, bem como as transformações que precisam acontecer na Educação do município do Rio de Janeiro. Acho que a partir da implantação do projeto,muitas portas se abrirão diante dos nossos olhos. Tenho certeza que profissionais de outras áreas abraçarão essa idéia. Serão aqueles "desconhecidos" que por caminhos diferentes se farão presentes no coração e na mente de nossos alunos. Serão os momentos doces desse caminhar. Acho que será um trabalho árduo para todos os envolvidos, mas tenho certeza, que ao final de todo esse trabalho, os nossos aluno se sentirão confiantes, repeitados e sobretudo livres para escolherem seus próprios caminhos. Angela Quintieri

  • Avatar
    14/03/2009 20:25:07Angela Maria QuintieriAnônimo

    Eu dirijo uma escola entre as 150 escolas escolhidas. Claro que estou bastante preocupada, e com um pouquinho de medo. Mas é bom sentir medo, porque ele pode ser um agente facilitador e sobretudo bastante revelador. Ele pode ser um mestre que aponta largamente as mudanças. De tudo o que ouvi e me foi passado em reunião, me deixou muito otimista quanto ao projeto que será implantado. Gostaria de dizer à Srª Secretária, Cláudia Costin que esse, também, pode ser um momento de um repensar bastante sério, para que todos nós possamos rever o nosso papel de educador. Somos participantes que acreditamos naquilo que dizemos diante de nossos alunos, e agimos conforme o que dizemos, ou a prática desse dizer em nosso dia-a-dia tem um colorido bem diferente? Seria bom que cada um de nós fosse bastante coerente e muito sincero com cada palavra que dissesse. Então, acho que podemos aproveitar esse pontapé inicial para refletirmos sobre as mudanças significativas, bem como as transformações que precisam acontecer na Educação do município do Rio de Janeiro. Acho que a partir da implantação do projeto,muitas portas se abrirão diante dos nossos olhos. Tenho certeza que profissionais de outras áreas abraçarão essa idéia. Serão aqueles "desconhecidos" que por caminhos diferentes se farão presentes no coração e na mente de nossos alunos. Serão os momentos doces desse caminhar. Acho que será um trabalho árduo para todos os envolvidos, mas tenho certeza, que ao final de todo esse trabalho, os nossos aluno se sentirão confiantes, repeitados e sobretudo livres para escolherem seus próprios caminhos. Angela Quintieri

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.